A frequência e aprovação do CFIC (para habilitados com o grau de Mestre),  ou do CEIC poderá facilitar o acesso ao plano doutoral em Biologia com especialização em Desenho Biológico (ramo: Comunicação, Divulgação e Ilustração Biológicas) —  o único, tanto quanto é do nosso conhecimento, em Portugal e na Europa.

O Programa Doutoral em Biologia tem uma duração de 4 anos, correspondentes a um total de 240 ECTS. O primeiro ano compreende uma componente curricular (60 ECTS) estruturada em módulos de cursos de formação avançada, em diversas áreas temáticas do domínio científico da Biologia, prática tutorial, formação na área de gestão, opção em qualquer área científica e o início da componente de tese (10 ECTS).

 

No final do primeiro ano o doutorando terá que apresentar e defender publicamente o seu plano de doutoramento, estando o prosseguimento dos seus estudos dependente de uma avaliação positiva desta apresentação. Segue-se um segundo ano com uma componente tutorial menor que a do 1º ano (apenas 10 ECTS) e uma de investigação conducente à apresentação de uma tese (50 ECTS), que se prolonga pelos 3º e 4º anos, com um peso de 60 ECTS em cada ano; deste modo, a tese corresponde a 3 anos de trabalho a tempo integral (180 ECTS) — ou seja, os três anos seguintes ao 1º ano são dedicados ao desenvolvimento do trabalho de investigação, preparação de publicações, escrita da tese e defesa desta em provas públicas. Dentro da temática em epígrafe, a tese deve versar sobre investigação original no âmbito da Comunicação Científica, vertente da imagem/ilustração biológica.



As candidaturas ao Programa Doutoral em Biologia estão abertas em permanência. As candidaturas voluntárias devem ser efetuadas através da entrega na secretaria da biologia dos documentos disponíveis em http://www.bio.ua.pt/ReadObject.aspx?obj=24352 devidamente preenchidas e acompanhados da informação complementar neles referida.